Copacabana & Isla del Sol

15 de fevereiro de 2016

Tour em Copacabana & Isla del Sol

 

Eu fiz esse tour de 2 dias e 1 noite partindo de La Paz e terminando em Copacabana. O tour incluiu visitas guiadas no Lago Titicaca (Ilha do Sol) + Copacabana e a aventura contou com alojamento de 1 noite, refeições, transportes e momentos memoráveis. 
A Isla del Sol (Ilha do Sol) é a maior ilha no Lago Titicaca, um antigo local sagrado do povo Inca e é facilmente acessada a partir de Copacabana.
O Tour começou pontualmente às 07h, quando o pessoal do Bamba Experience nos buscou no hostel de La Paz. De lá, fomos direto para Copacabana (cidade base para a Isla del Sol).
Assim que chegamos, por volta das 11h, fomos recebidos com um delicioso almoço boliviano, a idéia era nos abastecer de energia para o que viria pela frente (almoço incluso no pacote).
Nosso almoço com a famosa truta do Titicaca
Após o almoço seguimos rumo ao barco que nos levaria para a Isla del Sol, esse trajeto dura em média 2 horas. Como eu e a minha prima somos bem aventureiras, escolhemos logo a parte de cima do barco, o que nos fez encarar um vento congelante, mas que valeu a pena!
FFFFFFrrrrrrIIIIIIIIIoooooooo
FFFFFFrrrrrriiiiiiiiiiioooooooo
Assim que chegamos na Ilha começamos a trilha Inca (nós só chegaríamos no hostel no final da trilha). Para cruzar a Ilha do Sol de norte a sul é necessário fazer a Trilha Inca de 8 km (aproximadamente 3 horas). No caminho você encontrará diversas ruínas, santuários e templos dedicados ao Deus do Sol, a maioria dessas ruínas data do período Inca e estima-se que a Ilha é habitada há mais de 5.000 anos. 
 Trilha Inca
            Isla  
Após a trilha chegamos ao Inti Kala Hostal, que fica localizado no lado Sul da Ilha. O Hostal superou as nossas expectativas, as camas eram bem confortáveis, o quarto bem limpo e o chuveiro realmente contava com água quente (Oh Lord, um milagre!), o único problema ou sorte é que o hostal não tinha Wifi. Uma dica: O céu da Isla del Sol é maravilhoso, ao anoitecer, experimente desligar as luzes do seu quarto e abra as cortinas da sua janela, você ficará encantado(a) com o céu estrelado do Titicaca. 
Nosso quarto no Inti Kala Hostal
Nosso quarto no Inti Kala Hostal
Descansando na varada do hostal
Após deixarmos as nossas coisas no hostal, caminhamos mais 1 hora em direção ao topo da Ilha pelo lado sul até chegarmos a um mirante improvisado para assistirmos o pôr do sol. A vista foi de tirar o fôlego! 
Mirante improvisado
Mirante improvisado
 O Titicaca é imenso, é o lago navegável mais alto do mundo e o maior em volume de água na América do Sul.

DSC_0737

      IMG_5420

       IMG_5421

Segundo a lenda andina, foi nas águas do Titicaca que nasceu a civilização inca. O “Deus Sol” instruiu seus filhos para procurarem um local ideal para seu povo. Manco Capac e Mama Ocllo chegaram, então, a uma ilha – mais tarde batizada de Isla del Sol. O local teria sido o berço dos incas, que dominaram a região entre os séculos XII e XVI, quando se deu a invasão espanhola.
A maior parte da ilha é habitada por indígenas de origem Quechua e Aymara que se dedicam à agricultura, turismo, artesanato e pastoreio. As línguas faladas são línguas ancestrais, como Quechua e Aymara, bem como o espanhol.
"Ama Sua, Ama Llulla, Ama Kella", é um dito popular da cultura Inca que me encantou, no idioma Quechua que significa: "Não roube, não mintas, não sejas ocioso”
“Ama Sua, Ama Llulla, Ama Kella”, é um dito popular da cultura Inca que me encantou. No idioma Quechua significa: “Não roube, não mintas, não sejas ocioso”
Esse passeio foi um dos ápices da nossa viagem, como estávamos com os dias contados, nada podia dar errado, o tour foi sem dúvida indispensável. Fizemos uma parceria com a empresa Bamba Experience e eu fiquei muito contente com o trabalho deles. O passeio foi incrível e o guia (Juan) excelente, conhecemos tudo o que esperávamos e mais, aprendemos um pouco da cultura local e de cada lugar visitado, estar com um guia fez toda a diferença! Os nativos da ilha são extremamente tradicionais e grande parte sequer fala espanhol. O hostal e a alimentação inclusa superaram as nossas expectativas e de quebra ainda fizemos um inesquecível passeio por Copacabana.
Basílica de Nuestra Señora de Copacabana
Basílica de Nuestra Señora de Copacabana
Copacabana conta com boa infraestrutura turística e faz fronteira com o Peru. Fica à apenas 8h de distância de Puno, a cidade que conta como base para as Islas Flotantes de los Uros, localizadas no Lago Titicaca.
Fechamos o passeio com chave de ouro, visitando a Basílica de Nuestra Señora de Copacabana. Com uma beleza deslumbrante, essa basílica tem uma grande coleção de objetos religiosos y abriga a famosa escultura da “Virgen de la Candelaria ou Virgen Morena”, que foi esculpida por Francisco Tito Yupanqui, descendente do Inca Wayna Qhapak. A imagem da Virgem está talhada de pele escura e está permanentemente coberta por mantos de luxo e trajes feitos sob medida. O curioso é que a imagem original nunca deixa a basílica, para as procissões é utilizada uma réplica. 
 A Basílica de Nuestra Señora de Copacabana é uma das mais antigas basílicas das Américas.
Dicas rápidas:
  • Antes de iniciar o seu tour, pense em deixar a sua mochila em algum albergue em Copacabana e leve apenas o necessário para esses dois dias, lembre-se que subir e caminhar na altitude é um trabalho árduo.
  • Se você não quiser contratar um tour para esse passeio, você pode pegar um ônibus La Paz > Copacabana por aproximadamente 35 Bs. Geralmente os ônibus saem às 8h30 e às 14h, da rodoviária de La Paz. Em aproximadamente 2h40 de viagem, você terá que sair do bus, para pegar uma balsa (de 20min) e atravessar um pedaço do Lago Titicaca para continuar a sua viagem. O seu ônibus já estará do outro lado esperando por você e pelos outros passageiros. (Fique atento nessa hora, se der mole, o bus vai embora e te deixa lá!). O Trajeto total leva aproximadamente 4h30. No final do Post de Tiwanaku, eu também explico como você pode ir de Van.
  • O barco que leva você de Copacabana a Isla del Sol custa aproximadamente 30bs (ida e volta) e o trajeto dura em média 2 horas.
  • Lembre-se de se hidratar e de andar com calma, a caminhada pode chegar á 4.050m de altitude.
  • Quando ir? O período ideal pra visitar a Isla del Sol vai de maio a setembro, esse é período de seca.
  • Evite viajar entre novembro e fevereiro pois esse é o período de chuvas.

  LX2JJIJOGmXFnZbDEpzIoz5Vv8lLvTuxFVstu-vuH1P7PCbN186PMn2_B2-I0vpRbfDyFubqDtjrtR2cUYi6FN0Iq-_ZMIwlJNqsu6s4bO0F1kR3dMUjedqC16uBUu85p4jjDCNW6_JksYTdFkOU72PyR8nq6vAiazrqHmUtldUizkJ4D0psS1GfOHJoSlziZOclEEXTJf499X6UyxDa7t0Iq-_ZMIwlJNqsu6s4bO0F1kR3dMUjedqC16uBUu85  Z2IatweUexhjIZpkDU0laLNK9TT0A9s61Fbp_UMpWqU9cBji4QAN0ywiDhqZwDqt3kCoGOnrXeJbliLoiBBGWN0Iq-_ZMIwlJNqsu6s4bO0F1kR3dMUjedqC16uBUu85  HjZRIsCaki70txYG8f2ZKKSufaThRI5JDOaEKTa7G_KOPe8DZ1QQCY4_cRnzRGJzwUegLyDQ2UCEBuyHjaGrnN0Iq-_ZMIwlJNqsu6s4bO0F1kR3dMUjedqC16uBUu85   SMcgUXAuGGbPGs2bhTtgBwN6xgPpDQRiKpyxb9qNdyyArlXq-TT9NFqOnkx9nkbJRqttEYX6ZZfwwPfDgfOg7t0Iq-_ZMIwlJNqsu6s4bO0F1kR3dMUjedqC16uBUu85

Gostou desse post? Deixe aqui o seu comentário…

By Belle Nog

Uma carioca tagarela, apaixonada por viagens e fotografia.

5 Comments

  1. Responder

    Andres Kuajara

    Parabéns pelo blog, tudo muito bem relatado e cheio de detalhes!
    Vou fazer a minha viagem pela Bolívia em janeiro e com certeza vou pra Copacabana!! Poderia me informar qual foi o valor do tour pela agência que você contratou?

    1. Responder

      Belle Nog

      OI Andres, que legal, muito obrigada pelo seu comentário.
      Clica aqui nesse link Titicaca & Isla del Sol Adventure 2D/1N
      Foi com eles que eu fiz esse passeio e o valor foi USD 152,00
      Se você ainda não montou o seu roteiro, da uma olhada nesse link aqui tb 12 DIAS – BOLÍVIA & PERU
      Bjão e boa viagem!!
      Se precisar de mais alguma dica é só falar!

  2. Responder

    Andres Kuajara

    olá

  3. Responder

    Sanzia

    Olá adorei o seu post muitas informações legais, estou pensando em viajar para conhecer isla del sol e copacabana en julho gostaria de saber se esse valor de USD 152,00 estava incluído tudo.Bjos…adorei as fotos

    1. Responder

      Belle Nog

      Oi Sanzia,
      Que ótimo, fico muito feliz que as minhas dicas estejam sendo úteis a você!
      A Ilha é um barato, foi um dos lugares mais incríveis que eu já visitei.
      O valor dos pacotes geralmente inclui tudo (hospedagem, café da manhã, almoço, jantar e barco) mas você sempre deve verificar com a sua agência.
      Depois conte aqui como foi a sua viagem!

      Bjãoooo

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *