Trilha – Praia do Perigoso

24 de fevereiro de 2016

Situada entre Barra de Guaratiba e Grumari, a Praia do Perigoso, ainda selvagem, é um recanto paradisíaco que está protegido entre paredões de pedra e um verde exuberante. Apesar do nome, reza a lenda que a praia de 150 metros de extensão de faixa de areia passou a ser chamada assim, porque teria sido rota de fuga dos presos perigosos que escapavam do extinto presídio da Ilha Grande.
Vista da trilha para a praia
Vista da trilha para a praia
Eu não sei se isso é verdade, eu só sei que para chegar nesse pedacinho de paraíso, você tem que fazer uma trilha de 40 minutos (1,5km dentro da mata) ou pagar alguma embarcação para te deixar lá.
Tá, mas e aí como eu faço pra chegar à trilha?
Primeiro você tem que chegar à Praia do Canto na Barra de Guaratiba. Você pode ir de carro ou de transporte público. Se você optar pela segunda opção, verifique aqui como chegar lá.
De lá, siga até o final da praia, você irá vai ver uma casa branca de dois andares com dois janelões, entre nessa rua! A partir daí é só seguir as placas e perguntar ao pessoal.
E como eu faço para chegar à praia de barco?
Você deve falar com os barqueiros da Praia do Canto e combinar com eles o horário de ida e volta. O valor é a partir de R$30,00 por pessoa (depende do tamanho da bagagem, se tem caixa térmica, material para camping…).

 

Dicas rápidas:
  •  Vá de tênis;
  • Leve protetor solar e repelente, lá os mosquitos não atacam, eles devoram!
  • Não deixe de levar alimentos e bebidas para o seu consumo (não existe comércio na praia).
  •  Antes de deixar a praia, recolha todo o seu lixo (o local não tem coleta de lixo);
  • Evite a trilha nos feriados, costuma lotar.

By Belle Nog

Uma carioca tagarela, apaixonada por viagens e fotografia.

2 Comments

  1. Responder

    Aline Rocha

    Sempre quis fazer essa trilha, mas depois que teve aquele lance de tiro em uns turistas que estavam acampando por lá, eu fiquei preocupada!
    Você se sentiu segura quando fez a
    trilha? Foi sozinha?

    1. Responder

      Belle Nog

      OI Aline, eu me senti segura sim, mas é sempre bom estar acompanhada de um grupo de amigos e ficar atenta.
      Realmente o que aconteceu foi triste, mas são casos isolados.
      bjs,

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *